Tipos de escova que você nem sabia que existia! (antes e depois)

19 março, 2011
 Aminoácidos
Com a escova de aminoácidos, você ganha conforto e praticidade. Os cabelos ficam fortalecidos, lisos, macios, brilhantes e podem ser lavados no mesmo dia da aplicação do produto. O segredo da escova à base de aminoácidos está no choque térmico. Após a aplicação do produto nos cabelos, vem a chapinha e, logo em seguida, os cabelos são lavados com água bem gelada. Para finalizar, é só secar. A escova dura, em média, dois meses e não tem contra-indicação.
 
 Cana-de-açúcar
A escova é enriquecida com aminoácidos da cana e contém substâncias como a queratina e polímeros de silicone. Ela repara os fios danificados, potencializando o efeito alisante. Dura, em média, três meses. Para reaver o resultado, e só retocar.
 
Catiônica
O tratamento é ideal para cabelos indisciplinados ou ressecados. Combina óleo de macadâmia e cera de candelila, para nutrir e tratar o cabelo, com refinadores catiônicos, a fim de controlar o frizz e disciplinar.
 
 Cristal
A escova de cristal consiste na aplicação de uma mistura de In Shine Clear, tonalizante transparente, com creme revelador. Bastam 20 minutos nos cabelos e eles estão prontos para a próxima etapa: lavar. Depois de bem enxaguado, o último passo é escovar ou passar a prancha mecha a mecha. Em 40 minutos os cabelos ficam perfeitamente lisos e brilhantes. A escova de cristal pode ser aplicada em cabelos coloridos, com mechas ou virgens.

 
 Definitiva
A escova dura por um longo prazo, e utiliza produtos com tioglicolato de amônia em sua composição, ingrediente poderoso que muda a estrutura interna do fio. Primeiro, divide-se o cabelo em mechas finas e aplica-se o produto com um pincel, a partir de um dedo de distância da raiz (para que esse alisamento não altere o caimento dos fios).
Primeiro o produto age próximo à raiz por 20 minutos e só depois no comprimento, por mais 20 minutos. Aí, o cabeleireiro retira o excesso só com água e, então, faz escova e chapinha, que vão alterar definitivamente a estrutura do cabelo. Depois, aplica-se um produto neutralizante por 15 minutos. Ele forma um filme impermeável ao redor do fio, que faz o efeito liso durar meses. Para terminar, o cabelo é lavado com xampu e condicionador e é escovado.
 
Gradativa
A escova gradativa é um tratamento para seus cabelos em que controla o volume, sem deixar os fios lisos por muito tempo. O processo é realizado com um produto à base de amônia. Ela pode ser feita em quase todos os tipos de cabelo, com exceção dos descoloridos. A escova é a base de polímeros de silicone , um defrizante temporário que dura mais ou menos de 1 à 3 meses dependendo de cuidados e das lavagens que forem feitas. O efeito é gradativo, portanto quanto mais fizer melhor. Compatível com qualquer tipo de química, cabelos com tinturas descoloração, mechas ,luzes, escova progressiva,relaxamento. O alisamento temporário dos fios depende da textura do cabelo.
 
Inteligente
É um tratamento de nutrição intensa, ideal para todos os tipos de cabelo e muito bom para os danificados, porque reestrutura os fios. O produto penetra na cutícula do cabelo, deixando os fios sedosos e brilhantes. A escova pode ser feita em qualquer tipo de cabelo. Seu princípio ativo é o tioglicolato de amônia, mas ela contém, também, queratina hidrolisada e, em algumas fórmulas, formol. O conjunto da obra alisa, hidrata e dá brilho aos fios, mas fique atenta a certificação do produto pela Anvisa. Dependendo da textura dos fios de cabelo, o retoque e mensal ou bimestral. Quanto menos encaracolado os fios, maior a durabilidade.
 
Leite
A escova de leite alisa os fios gradativamente, sendo mais indicada para quem deseja a redução do volume da cabeleira. E ideal para cabelos ondulados e levemente cacheados. Mas quem tem muitos cachos e quiser tentar a técnica, então serão necessárias duas ou três aplicações até que se consiga o look liso.
A única contra-edição diz respeito aos cabelos tingidos ou descoloridos - aí é preciso tomar cuidado e fazer um teste antes de aplicar o produto no cabelo inteiro.
A escova de leite contém proteínas, vitaminas e sais minerais presentes no leite, além do ativo manoetanolamina. Tudo isso para garantir a hidratação orgânica de qualidade dos fios, deixando-s lisos, macios e super brilhantes. O secador e a prancha são a cereja do bolo do processo.
 
Orgânica ou Defrisagem
À base de tioglicolato de amônia, a escova orgânica (ou defrisagem) permite escolher o cabelo que você quiser. Quer um cabelo muito liso? Você vai ter. Ou que tal o contrário, enrolado? Também é possível. Com a escova orgânica, pode-se controlar o tratamento dado aos cabelos. Por isso, é essencial conversar com o profissional antes para dizer exatamente o que você quer. O alisamento leva hidróxido de cálcio, que altera a estrutura interna dos fios, proteínas vegetais e animais e um ativo biológico a base de algas que amacia e hidrata. A duração da escova é de três meses, em média, devendo ser retocada.
 
 Orquídea
Mais do que simplesmente alisar os cabelos, o tratamento ajuda a recuperar a estrutura dos fios. Além da orquídea, o produto contém ainda extrato de cashmere, bambu, vitamina E, pantenol e queratina. Essa mistura tira o aspecto de frizz dos fios, dando peso e formando uma película de proteção em torno deles.
O produto pode ser aplicado em todos os tipos de cabelo, mesmo aqueles que já passaram por tratamentos químicos, como tinturas e outros tipos de escova progressiva. Diferentemente de outros tratamentos, este deve ser feito uma vez por mês e requer manutenção diária com um kit complementar de shampoo e condicionador. Além de os cabelos ficarem lisos, as madeixas ficam sedosas e brilhantes e com um suave perfume de flor.
 
 Ouro
A escova contém ativo tioglicolato, queratina hidrolisada e proteínas da seda, que proporciona além do brilho inconfundível, a reestruturação dos fios e um efeito 100% liso. Os cabelos podem, ou não passar pela prancha após a aplicação do produto, mas seu efeito potencializa o alisamento. Depois é passado o neutralizador, que fixa o resultado por 90 a 120 dias.
 
 Photon Hair
Se você quer um liso mais definitivo, aposte no Photon Hair, a escova de luz que pode ser feita em qualquer tipo de cabelo. Ela ajuda o produto alisante - um kit de queratina e aminoácidos - a penetrar nas cutículas do cabelo, recondicionando os fios e alisando-os. Como o procedimento mexe com a estrutura dos fios, é preciso ficar sem lavar a cabeça durante três dias, mas vale a pena - o resultado, você carrega nas madeixas por até um ano.
 
 Progressiva
Ela é feita com um produto à base de queratina e formol, mas tudo começa com a lavagem dos cabelos com um xampu de limpeza profunda. Depois, é a vez de aplicar a mistura que contém formol a um centímetro do couro cabeludo, com um pincel. A aplicação é feita mecha a mecha de cabelo. O produto quebra algumas pontes de enxofre dos fios, responsáveis por encaracolá-los. Para manter o formato liso, o cabelo é seco com a prancha, só que você não pode lavar, prender ou colocar as madeixas durante 3 dias, senão a escova vai pelo ralo ou os fios ficam marcados.
A escova contém, também, queratina hidrolisada e proteínas da seda, proporcionando, além do brilho inconfundível, a reestruturação dos tios e um efeito 100% liso. Além disso, é preciso fazer manutenção - daí o nome progressiva - porque o formol segura o resultado por até 45 dias.
 
 Frutas
Escovas de frutas, como maracujá, morango e frutas vermelhas utilizam alto teor de Vitamina C e são ricas em queratina, além de conterem extratos das frutas que dão o nome do produto. Garantem hidratação profunda e podem ser usadas em todos os tipos de cabelo, inclusive os que já passaram por química. São ideais especialmente para os cabelos com ondas mais leves e para os arrepiados, porque, por conterem menos lipídios, não os deixam com um aspecto muito pesado.
Os cabelos são lavados com xampu anti-resíduo, que preparam o cabelo para receber a escova. A umidade dos fios é retirada na medida certa e ele recebe, então, um recondicionamento de queratina. Em seguida, é aplicada a máscara de fruta mecha por mecha. Após a aplicação, as cutículas dos fios são seladas com a prancha para manter o produto no cabelo. Aí, como de praxe, é preciso ficar três dias sem lavá-lo ou prendê-lo. Já para os cabelos porosos, Brigitte recomenda as escovas mais encorpadas, que contêm proteínas e lipídios em maior quantidade.

 Chocolates
Além de ser uma delícia para comer, o chocolate também é perfeito para as madeixas. A escova hidrata, revitaliza, tira o volume e alisa os cabelos. O sucesso está na fórmula à base de queratina, tioglicolato de amônia, proteína da seda e substâncias naturais como o extrato de cacau e a cafeína, ricos em ácidos graxos que nutrem os fios. Mas o resultado depende dos tipos de cabelos. Nos muito crespos ou afros, a escova age domando os fios e definindo os cachos. Já os ondulados se tornam lisérrimos.
Se você for loira ou tiver os cabelos claros, também pode optar pela escova de chocolate branco. Como diferencial, ela traz a manteiga de cacau, que protege do frio e do sol. O processo, você já conhece: lavar para abrir as cutículas e aplicar a mousse de chocolate da raiz às pontas. Em seguida, chapinha mecha a mecha.
 
 Importadas
Japonesa, francesa, alemã, marroquina... As escovas vêm dos quatro cantos do mundo, mas, no fundo, são todas irmãs. Para começar elas oferecem o mesmo resultado: alisamento e redução de volume. A diferença e que têm modo de ação e princípio ativo distintos.
A escova japonesa usa produtos à base de amônia e com efeito termoativo, alterando estrutura dos fios e redistribuindo a queratina de maneira uniforme mecha por mecha. E indicada apenas para quem tem cabelos lisos volumosos ou rebeldes e que quer domá-los para deixá-los super retos e com menos volume. Após a aplicação do produto, os fios vão sendo selados com a chapinha e o resultado é um visual esticadíssimo da raiz às pontas. Uma vantagem é que, alem de alisamento, a escova japonesa proporciona hidratação, porque também emprega queratina e colágeno.
A escova só sai com o crescimento da raiz. O efeito dura de quatro a seis meses, sendo necessário retocar, mas nem todos gostam do resultado que pode parecer artificial. Além disso, a técnica tem algumas restrições: além de não ser indicada para cabelos crespos, também é contra-indicada para cabelos descoloridos, com luzes, ou que passaram por relaxamento.
Escova francesa e alemã é tudo a mesma coisa, só muda o país fabricante do produto e, consequentemente o nome da marca. Pode ser feita em todos os tipos de cabelo. Ela é à base de amônia e queratina, mas pode conter outras substâncias, como silicones e extrato de arnica, camomila, castanha e jaborandi (já a escova holandesa utiliza o ácido tioglicólico). A diferença é que a escova francesa não deixa aquele visual pranchado, como a japonesa.
Ela usa a prancha, mas mantém o movimento e o balanço dos cabelos enquanto promove o alinhamento dos fios. O tratamento proporciona, ainda, maciez e brilho. O efeito da escova dura de três a seis meses e você pode lavar as madeixas nos dias após a aplicação.
Voltando ao Oriente... além de alisar os fios crespos, a escova marroquina funciona como uma hidratação. Pode ser aplicada junto com outra química e não tem contra-indicação. O método de aplicação é praticamente o mesmo das outras escovas. O diferencial está na composição do produto: argila branca e óleo de cacau do Marrocos associados a bioativos especiais. Os cabelos podem ser lavados e presos no mesmo dia e o resultado dura de três a sete meses.

Fonte: Itu

Tem mais! Algo no mínimo bizarro! Alguma dona, no mínimo apaixonada por alisamento, fez escova de chocolate no seu Shih-Tzu:
Até que ficou bonitinho, né? Contanto que não tenha doído no coitadinho...

8 comentários:

  1. Anônimo disse...:

    Nossa, os resultados das fotos animam e incentivam a fazer. Eu tenho cabelo liso, mas sou louca pra fazer alguma coisa parecida para deixá-los mais" calminhos", em dias frios eles arrepiam facilmente e ficam com volume.

  1. Para controlar o volume e o efeito arrepiado, você pode fazer a escova de chocolate, que é uma das mais naturais. Ele vai ficar mais nutrido e diminuirá o volume, mas não faça se tiver cabelos loiros.

    Outra opção seria a escova inteligente, ela vai reestruturar seus fios e pode ser usada em todos os tipos de cabelo.

    Bjo e obg pelo coment!

  1. Anônimo disse...:

    adorei...
    vou fazer também

  1. T3 disse...:

    Olá!

    Ótima Postagem e Parabéns pelo Blog!

    Gostaria de convida-lo para conhecer o T3 - O Melhor lugar para Divulgar seus Links!

    Pois no T3 todos os Links são Folow, melhorando sua posição nas pesquisas, O T3 é feito para o publico, sendo assim, existem pessoas realmente interessadas no seu conteúdo, não apenas outros blogueiros curiosos.

    Você pode também adicionar amigos, enviar mensagens, votar nas notícias e muito mais, comece agora mesmo enviar seus Links para o T3:

    www.t3.tol3.net

    Grande Abraço, Sucesso!
    T3 - O Melhor da Internet Está Aqui!

  1. Anônimo disse...:

    Meu cabelo é descolorido loiro clarissimo, ele é meio parecido com o cabelo da moça da escova de ouro, de cabelo vermelho. Já fiz progressiva que só acalmou um pouco e tem mais de 1 e meio que nao faço nada além de pintar e fazer chapinha, eu queria algo que não fosse muito caro, e nao necessariamente alisasse totalmente, só reduzisse o volume mesmo. Alguma sugestão? Responde pelo meu email luly.lewicki@hotmail.com caso eu perca o endereço do blog.
    obrigada, o post ficou muito interessante.

  1. Anônimo 1:

    Muito obrigada!

    Anônimo 2:

    Já respondi com um e-mail, querida!

  1. nossa, d+.
    muito legal o post

  1. Giperez disse...:

    Pode fazer a inteligente em cabelos com mechas loiras?

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...